Para muitos o trabalho significa somente um castigo, um pesadelo. Bom mesmo seria descansar sempre, viver sem fazer nada, ter comida à vontade, roupa, moradia e tudo aquilo que é necessário para a vida.

Se olharmos para a Bíblia, vamos descobrir que o trabalho faz parte da pessoa; faz parte do ser humano. Desde

a criação, Deus deu ao ser humano a incumbência de trabalhar (Gn 1.26). Depois da queda é que o trabalho causa problemas e se torna difícil, e dele faz parte o suor e o sofrimento (Gn 3.17).

O apóstolo Paulo chega a dizer que aquele que não quiser trabalhar também não precisa comer (2 Ts 3. 10). Aliás, Paulo dá exemplo, trabalhando para ganhar a sua vida, embora tivesse direito de ganhar o seu sustento das comunidades (1º Co 4.12), Jesus usa o trabalho em suas parábolas. Por aí se pode ver, que o trabalho faz parte do ser humano

e é abençoado por Deus.

Se, olharmos o nosso mundo, e especialmente o mundo do trabalho, vamos constatar muitos problemas, tais como: a dificuldade de conseguir trabalho, trabalho em lugares difíceis e com coisas que são perigosas para a vida , o trabalho mal pago, o trabalho pesado que só visa o lucro, o trabalho longe do lugar onde as pessoas moram.

Será que é este o trabalho que é uma bênção de Deus?

Não há dúvidas de que o ser humano usa suas capacidades e sua imaginação para desviar-se sempre mais de Deus e de seus planos, e o mundo do trabalho é um bom exemplo para ilustrar esta realidade.

No dia do trabalho vamos agradecer, porque Deus nos chama a ser seus “ajudadores” na criação. Ele quer que participemos, modificando o mundo e dando espaço para que todos possam viver. Mas no dia do trabalho vamos também pedir que Deus nos dê forças e coragem para não ficarmos quietos frente às injustiças que estão diante dos nossos olhos.

Entretanto, também fora do dia do trabalho cabe aos cristãos ajudarem todos aqueles que procuram uma vida mais digna para si e para os seus semelhantes.

O trabalho faz parte de tudo aquilo que deve dar sentido à vida das pessoas. Por isso ele não pode ser usado por ninguém apenas para ser sofrimento e decepção. Quem agradece pelo trabalho que tem, deve zelar com todas as suas forças e possibilidades para que também outros o tenham.

Senhor, obrigado pela capacidade que tu nos dás para o trabalho. Pedimos que tu abençoes todo o trabalho e trabalhadores e mostra-nos caminhos para fazer do trabalho uma tarefa digna e bonita para todos, ainda que muitas vezes no suor do nosso rosto. Amém.

Marcelo Ackermann.