Tags

, , , ,

"Um dia, uma pequena abertura apareceu num casulo; um homem sentou e observou a borboleta por várias horas, conforme ela se esforçava para fazer com que seu corpo passasse através daquele pequeno buraco.

Então pareceu que ela havia parado de fazer qualquer progresso. Parecia que ela tinha ido o mais longe que podia, e não conseguia ir mais. Então o homem decidiu ajudar a borboleta: ele pegou uma tesoura e cortou o restante do casulo. A borboleta então saiu facilmente. Mas seu corpo estava murcho, era pequeno e tinha as asas amassadas. O homem continuou a observá-la porque ele esperava que, a qualquer momento, as asas dela se abrissem e esticassem para serem capazes de suportar o corpo que iria se afirmar a tempo. Nada aconteceu!

Na verdade, a borboleta passou o resto de sua vida rastejando com um corpo murcho e asas encolhidas. Ela nunca foi capaz de voar. O que o homem, em sua gentileza e vontade de ajudar não compreendia, era que o casulo apertado e o esforço necessário à borboleta para passar através da pequena abertura era o modo pelo qual o fluido do corpo da borboleta fosse para as suas asas, de forma que ela estaria pronta para voar uma vez que estivesse livre do casulo.”

Algo parecido acontece em nossas vidas. Para resolver problemas muitas vezes precisamos de ajuda. Mas devemos cuidar para que ninguém faça aquilo que nos cabe fazer. O homem, ao querer ajudar a borboleta, acabou prejudicando-a, mesmo que essa não era sua intenção. Será que às vezes os pais ao querer ajudar seus filhos, não acabam fazendo as coisas no lugar deles e com isso prejudicam mais do que ajudam?

Dedicação e esforço é o que o precisamos na vida para que ela tenha graça e sentido. Os obstáculos que encontramos no caminho fazem parte da vida. Ao invés de lamentar sua existência devemos nos fortalecer para superá-los. Só assim podemos realmente crescer e caminhar com nossas próprias pernas. Ou, voar com as próprias asas.

“Eu pedi forças… e Deus deu-me dificuldades para fazer-me forte

Eu pedi sabedoria… e Deus deu-me problemas para resolver.

Uma boa semana! P. Júlio Cézar Adam

O Senhor dá força ao seu povo.

Salmo 29.11